preguiça.

_ Oi!
_ .. hum…
_ Houston? Pode me ouvir?
_ E-eu… posso…
_ Então por que você não abre os olhos?
_ Porque eu quero dormiiiiiiiir….
_ Chega de dormir. Ficou até tarde vendo filme porque quis.
_ Pô, tava passando O Talentoso Ripley…
_ (pela enésima vez…)
_ .. e agora eu tô R.I.P.
_ Qual dos filmes? O do Malkovich?
_ Eu sei que tinha o Matt Damon…
_ Conseguiu ver o final dessa vez?
_ Parei naquela cena do piano.
_ Como “cena do piano”?
_ Ah… ele toca um piano e depois sai.
_ Isso é o começo do filme! Os letreiros iniciais nem tinham acabado!
_ É?
_ É, e se você não levantar, eu abro a porta e o Théo vai vir lamber sua boca.
_ Faz isso não…
_ Me dêêêêê motivos…
_ Tira o Tim Maia da nossa cama já!
_ Ué, vai dizer que você não gosta?
_ Não é que eu comprei nas Casas Bahia. Não vai agüentar.
_ Vai acooooorda… Isso vai piorar muito antes de melhorar.
_ É possível?
_ Claro que é… quando o Théo entrar por aquela porta com o rabo em pé…
_ Nãããããããooo…
_ Você vai conhecer o delicioso sabor de Whiskas.
_ Tudo menos isso!
_ Só uma lambidinha…
_ Pôxa, amor… eu tinha umas idéias bem mais interessantes sobre “lambidinhas pela manhã”. Se tivesse me acordado do jeito certo, eu já tava de pé.
_ Ah, é?
_ Aham…
_ Sabe que eu também tive essa idéia?
_ É?
_ Mas alguém aqui desmaiou quando viu o Matt Damon.
_ E o que tem a ver?
_ Desmaiou de calça jeans!
_ (saco…)
_ Se enfiar a cara no travesseiro leva tapa na bunda.
_ Hoje você tá muito cruel.
_ Você não viu nada.
_ Vamos combinar então: conta 5 minutos no relógio e vem de novo, que tal?
_ Não. Hoje é um dia muito importante. Meus pais vão vir aqui e…
_ Viu? Nem é culpa minha. Por mim a gente contava.
_ Já falamos sobre isso.
_ Eu sei… Mas é que eu tô num soninho tão gostoso…
_ Não faz essa carinha…
_ Por favor, por favor…
_ Tá bom, vai. Só mais 5 minutinhos.

(…)

_ Hello… Hello … Hello
_ (suspiro) …
_ Is there anybody in there? … there … there …
_ Tem sim e, definitivamente, comfortably numb…
_ Eu cumpri minha parte, agora é a sua vez.
_ I sayd no, no, no.
_ Agora chega. Você tá passando dos limites!
_ Por causa da preguiça ou pela Amy Winehouse?
_ Ambos!
_ Ah, mas eu tenho um bom motivo…
_ Matt Damon?
_ Não. A calça jeans. Tá ali no chão.
_ Hmmm…. safadinha…
_ Vem cá… vem me acordar do jeito certo…
_ Não fal assim que eu não resisto.
_ Nem tenta…

(…)

_ Hmmm….
_ Mmmm…oh
_ Mmmm… miau?
_ mmmm.. o quê?
_ Eu ouvi um miau. Não foi você?
_ Ih… esqueci a porta aberta.
_ Ah… Théo! Lá vem o homem da casa!
_ Tinha que ser!
_ Sai, gato enxerido! Ménage à trois só quando eu escolher um homem beeeem gostoso.
_ Lá vem você e suas idéias…
_ Não seja preconceituosa.

Sobre bic azul

Uma caneta pode escrever qualquer coisa, boa ou ruim. Normalmente, ninguém liga muito se ela funciona. Mas, quando ela falha...
Esse post foi publicado em Contos Absurdos, Crônicas do Cotidiano e marcado , , , , , , , , , , . Guardar link permanente.

12 respostas para preguiça.

  1. Elisa disse:

    danadinho esse menino.

    adoro-te

  2. pandego disse:

    naum entendi paravina alguma, mas parece ser bem culto isso…

  3. thahy disse:

    hahahahahahahahah… eh lah iah!

    preconceituosa A menina!

    hahahaha ^^

  4. Lia Drumond disse:

    Té que enfim, né? Bacaninha… Mas esperava mais. Vai ver é pq esperava há tempos… Bjs

  5. Mamendes disse:

    Boa.
    Safadinhas essas meninas…

    []’s

  6. tuconhece disse:

    chatinho esse textinho suburbano, heim neguinho…aliás amiguinho, vc tem de abandonar essa cultura suburbana..

  7. Israel disse:

    Isso, abandone a cultura suburbana e comece com uma cultura medieval.

    Ficou bom, o diálogo é bom. Mas essas sacadas no final não surpreendem mais. Ou pode ser que não me surpreendem mais. Não sei se me entende.

    Até mais!

  8. Que bom que voltou. E em boa forma ;o)
    Bjos!

  9. Ale{prima da Lú} disse:

    Bem bacana… Gosto de tua forma de escrever!!!

  10. Ju disse:

    Estava com saudades dos seus textos…
    É hora que a gente vê o tanto que a gente tem a mente fechada.
    Obrigada!
    =)

  11. Fê_Notável disse:

    Adorei o texto! Amo esse tipo de diálogo… pena que mutas vezes ele é um sonho!
    Beijos

  12. julia disse:

    ñ entendi nada!

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s