intervalo*.

* Uma homenagem simplista às pessoas que fariam tudo, se fizessem alguma coisa.

Vou abrir minha empresa
Vou voltar a estudar
Vou malhar na academia
Vou parar de fumar

Vou fazer tudo que eu sonho assim que o meu medo passar
…ou que o mês virar

Agora só faltam quinze prestações
Mas talvez eu não viva mais quatro estações.

Vou comprar uma casa
Mas com que salário?
Vou jogar na loteria,
Vou ficar milionário!

Vou fazer algo altruísta
Não vou mais querer ser capa de revista.

Mas vou tentar
Só falta um pouco mais.
Vou revolucionar o mundo inteiro
Assim que entrarem os comerciais.

… (ou talvez vá ao banheiro)

Sobre bic azul

Uma caneta pode escrever qualquer coisa, boa ou ruim. Normalmente, ninguém liga muito se ela funciona. Mas, quando ela falha...
Esse post foi publicado em Poesias Abstratas e marcado , , , , . Guardar link permanente.

5 respostas para intervalo*.

  1. Lia Drumond disse:

    hahaha! eu vou também… Bjs

  2. Vanessa disse:

    Ju………… muito bommmmmm kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    BJSSSSSSSSSSSSSSSSS

  3. Marcela Ortolan disse:

    Muito bom!

    Excessivamente bom!

    Fernando Pessoa tem um poema chamado Adiamento, neste sentido.

    Um abraço

  4. Fê_Notável disse:

    Eu vivo dizendo que vou fazer tudo isso (e não faço =P)
    Poesia brilhante! (como sempre!)

    Beijos =*

  5. Suênio disse:

    ótima poesia… pra começar o dia.
    abraço

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s