o escritor e o pernilongo.


Vida de escritor não é fácil. Você pode fazer qualquer coisa, desde que escreva. E se você precisa escrever, não dá pra ficar fazendo qualquer coisa. O fato é que, quando um escritor apanha uma ideia, ele sabe que precisa aproveitar essa chance, se puder, interromper tudo e escrever já. Nem que tenha que desligar […]

Charles quebrou o pé.


Charles quebrou o pé e disse que foi no futebol. Charles quebrou o pé numa terça, que é dia de jogo da segunda divisão e pouca gente deixa de vir jogar para assistir. Charles quebrou o pé na cobrança de escanteio. Sozinho. Nem foi falta. Charles quebrou o pé e doeu muito, pois, mesmo engessado, […]

tem fogo?


Para quem o conhecia, a pergunta era sempre retórica. Apesar de ser um fumante habitual, não comungava do pacto secreto das regras não escritas com quem compartilhava seu vício. Aquele mesmo pacto que antes negava e agora exige o sexo no primeiro encontro, que nos mantém mudos no elevador e que manda todos os motociclistas […]

do absurdo.


Então nasceu um dia como nenhum outro. O sol brilhou azul num céu vermelho vivo, com poucas nuvens alaranjadas. As florestas estavam todas prateadas, onde papagaios cinzas se camuflavam. Nas savanas rosadas, zebras multicoloridas corriam como antes, pois os leões, cujas jubas agora mais lembravam labaredas, jamais distinguiram as cores. A mudança na cor do […]

bondade.


“Me leva pra longe daqui.”, ela pediu. Nada mais justo, mas ele ainda queria ficar. Apesar de tudo. O risco de permitir-se à bondade é ter que escolher sempre a quem você vai favorecer. Nada é mais ingrato do que o esforço pelo chamado bem comum. Reflita você sobre a relação do povo com o […]

preguiça.


_ Oi! _ .. hum… _ Houston? Pode me ouvir? _ E-eu… posso… _ Então por que você não abre os olhos? _ Porque eu quero dormiiiiiiiir…. _ Chega de dormir. Ficou até tarde vendo filme porque quis. _ Pô, tava passando O Talentoso Ripley… _ (pela enésima vez…) _ .. e agora eu tô […]

só.


O raio de sol que atravessou a janela lhe tocou a face, fazendo suas pálpebras se contraírem. Era tarde de sábado, no outono. A temperatura quente e agradável desmentiu a previsão do tempo. Ela fechou os olhos e não viu a escuridão, mas um vermelho vivo e belo. Em outros tempos, estaria em seu carro, […]