silêncio glorioso.


Já é de manhã. Eu posso sentir O toque delicado Do silêncio glorioso “Não se apresse”, ele diz “Desfrute. Essa solidão Breve e deliciosa É só sua.” Os braços e pernas Que descansam no meu leito São apenas ilusões Criadas pelas dobras do cobertor. Ao contrário da noite Quando o vazio nos toma Com dolorida […]

preguiça.


_ Oi! _ .. hum… _ Houston? Pode me ouvir? _ E-eu… posso… _ Então por que você não abre os olhos? _ Porque eu quero dormiiiiiiiir…. _ Chega de dormir. Ficou até tarde vendo filme porque quis. _ Pô, tava passando O Talentoso Ripley… _ (pela enésima vez…) _ .. e agora eu tô […]

de manhã.


Ainda não eram nem 7 da manhã e o movimento estava bastante intenso numa certa padaria paulistana: _ Esse croissant é de quê? _ É presunto e queijo. _ Me vê um de queijo, então. _ Não, não. É presunto e queijo… _ Oi? _ Presunto e queijo. _ Ah, tá. Então vê um de […]