já percebeu?


A gente anda tão distraído Que não lembra mais Onde estacionou Onde tudo começou Como se machucou E nem sabe como fez esse roxo aí braço E que aquela despedida não teve nenhum abraço Tão distraído que não vi você aí Na festa No face Na faixa de pedestres Onde eu coloquei aquele papel? Onde eu […]

sua síntese.


Eu escrevi uma canção de amor Eu escrevi um conto de amor Eu escrevi uma declaração de amor em forma de conto E já escrevi tantos poemas de amor que nem me lembro mais quantos são Não sei dizer Quantas letras já juntei Combinei, adestrei, violei Ou fiz brigarem entre si E tudo que fiz […]

fumaça e espelhos.


mágica é distrair a atenção  prática da imaginação  (asas de Ícaro)  a vida é mágica, dizem  mesmo que trágica também   (asa delta)  mais um carro parado em fila no sinal mais alguém à caminho do hospital  (asinhas de frango)  sem mágica segredo e truque revelam-se mesmo que machuque (asas podadas)  é só fumaça  dos fogos e tiros  […]